Mostrando postagens com marcador Comportamento. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Comportamento. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Vídeo: A pequena corrupção - O Antagonista

BY Agro Mecânica Tatuí IN No comments




Acompanhe o flagrante da prisão pela Polícia Federal de uma funcionária do Incra, em Brasília, que cobrava propina para a regularização de assentamentos rurais, em parceria com o líder do MST na capital federal e o presidente da federação de trabalhadores da agricultura.
A corrupção brasileira é uma saúva.




Vídeo: A pequena corrupção - O Antagonista

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Os pais de Donald Trump eram membros da Ku Klux Klan? | E-farsas.com – Desvendando farsas da web desde 2002!

BY Agro Mecânica Tatuí IN No comments

Foto mostra o presidente dos Estados Unidos, ainda jovem, ao lado dos pais – que estão usando roupas da Ku Klux Klan! Será que isso é verdade ou farsa?
A imagem não é nova! Já circulou em setembro de 2016 e voltou a “fazer sucesso” nas redes sociais na segunda quinzena de agosto de 2017. Nela podemos ver o ainda jovem Donald Trump ao lado dos pais que vestem o manto da Ku Klux Klan, uma organização racista nascida no final do século 19 nos Estados Unidos!
A discussão a respeito da veracidade dessa imagem foi parar no nosso grupo fechado no Facebook, onde nossos brilhantes membros saíram à caça para descobrir se isso é verdade ou mais uma farsa da web!
Descubra a seguir se essa foto é real ou falsa:
Os pais do presidente Donald Trump eram membros da Ku Klux Klan?

Verdade ou farsa?

Uma busca reversa de imagens usando o método já explicado aqui no E-farsas nos revela que essa foto que se espalhou em 2016 é falsa!
A fotografia original é essa:
Foto original!
Veja aqui algumas dicas de como se reconhecer uma fotomontagem:

Conclusão

A fotografia “provando” que os pais do presidente dos Estados Unidos pertenciam à Ku Klux Klan é falsa!  




Os pais de Donald Trump eram membros da Ku Klux Klan? | E-farsas.com – Desvendando farsas da web desde 2002!

terça-feira, 20 de junho de 2017

Pesquisa indica mudança no consumo de embalagens de café - Notícias - Mercado - CaféPoint

BY Agro Mecânica Tatuí IN No comments

Da redação

A pesquisa "Avaliação de Embalagens e Métodos de Armazenamento para Cafés Especiais", coordenada pelo professor Flávio Meira Borém, da Universidade Federal de Lavras (UFLA/MG), indica uma mudança no consumo de embalagens pela indústria cafeeira, comprovando que é possível manter a qualidade dos grãos de café durante longos períodos de armazenamento, com a embalagem de papel de alta barreira sendo a mais eficiente nesse processo. 

Foto: Gui Gomes/ Café Editora
                                      Foto: Gui Gomes/Café Editora

Apresentado pela primeira vez no Brasil durante o 7° Coffee Dinner & Coffee Summit, no dia 09 de junho, em São Paulo, o estudo avaliou oito tipos diferentes de embalagens para dois tipos de cafés especiais nos mercados nacional e internacional, durante 18 meses. O relatório final mostrou que a embalagem de papel com alta barreira atingiu o maior nível de pontuação na preservação das características originais dos grãos, acima de 82 pontos, enquanto as embalagens a vácuo ficaram em 81 e as de juta em 73 pontos. 

Além disso, as embalagens de papel também são consideradas financeiramente mais vantajosas pelo mercado, quando comparadas às embalagens a vácuo.  

A análise teve o apoio da Klabin, maior produtora e exportadora de papéis para embalagens do Brasil, e com as parcerias: Brazil Specialty Coffee Association (BSCA), Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex), a VideplastBourbon Specialty Coffees e a Carmocoffees



Pesquisa indica mudança no consumo de embalagens de café - Notícias - Mercado - CaféPoint

sexta-feira, 5 de maio de 2017

Inutilmente útil: McDonald’s lança garfo feito de batata frita! | Capricho

BY Agro Mecânica Tatuí IN No comments

É a solução para os seus problemas e você nem sabia disso!


Comer hambúrguer quase sempre
faz uma grande meleca. Você morde de um lado e as coisas escorregam para
o outro, parte do recheio cai, o molho nunca fica onde deve ficar… É
uma loucura! Para minimizar esse inconveniente e tentar deixar sua mão
menos suja, o McDonald’s teve uma ideia genial e criou um garfo de batata frita.


A invenção recebeu o nome de Frork, uma mistura das palavras fork (garfo) e fry
(fritar), e depois de conhecê-la você vai se perguntar como um objeto
tão peculiar assim ainda não existia! Olhe esta simples demonstração
para entender o que ele faz:

Chega de melecar toda a mão tentando pegar o que caiu do seu sanduíche: é só usar o Frork. Apesar de ser incrível por si só, no entanto, o garfo de batata faz parte da campanha de uma nova linha de lanches da marca nos Estados Unidos. Ela inclui sabores como o Sweet BBQ Bacon, o Maple Bacon Dijon e o Pico Guacamole.





Essa novidade inútil superlegal estará disponível só no dia 5 de maio em alguns McDonald’s específicos nos Estados Unidos. Ele virá como brinde quando alguém comprar um lanche da nova linha, enquanto os estoques durarem.
Ei, McDonald’s Brasil! Que tal transformar esse brinde em supresinha do McLanche Feliz?



Inutilmente útil: McDonald’s lança garfo feito de batata frita! | Capricho

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Aos 89 anos, esta médica é a cirurgiã mais velha do mundo - Mega Curioso

BY Agro Mecânica Tatuí IN No comments

Aos 89 anos, esta médica é a cirurgiã mais velha do mundo



Alla Illyinichna Levushkina é uma simpática médica que trabalha como cirurgiã em um hospital em Ryazan, nas proximidades de Moscou, na Rússia. O que a difere dos outros médicos do hospital é, basicamente, a sua idade: Alla tem quase 90 anos.
Apesar disso, essa simpática senhora realiza em média quatro cirurgias por dia e, aos 89 anos, está há 67 na profissão. Em casa, Alla cuida de um sobrinho com deficiência e não deixa faltar nada aos oito gatos que vivem com os dois.


“Ser médico não é apenas uma profissão, mas um estilo de vida”, disse ela, que ainda não faz planos de aposentadoria. “Se eu parar de trabalhar, quem vai fazer as cirurgias”, questiona a médica que é considerada a cirurgiã mais velha do mundo.

Quando perguntada sobre o segredo para a longevidade e para a boa forma física e mental, Alla diz que não tem nada de secreto, mas que come de tudo, ri muito e chora muito. 
Aos 89 anos, esta médica é a cirurgiã mais velha do mundo - Mega Curioso

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Conheça os 7 erros mais comuns ao fazer uma videoconferência - Mega Curioso

BY Agro Mecânica Tatuí IN No comments

O uso de videoconferência se tornou uma das maiores revelações do século 21. Afinal, é muito mais fácil para empresas e colegas de trabalho compartilharem ideias e discutir projetos de forma virtual do que se deslocarem para uma tradicional reunião presencial. 
join.me, ferramenta de reuniões online da LogMeIn, realizou uma pesquisa que afirma que 60% dos usuários que optam por uma videoconferência acham que o resultado é mais eficaz do que o uso do email, telefone ou mesmo conversar no escritório. Segundo o levantamento, que ouviu dois mil entrevistados com idades acima de 22 anos, 76% usam a videoconferência para tratar de negócios, enquanto 96% afirmam que essa ferramenta agrega valor às reuniões.
Além disso, um dado curioso é que 93% dos usuários que fizeram reuniões online pela primeira vez vislumbraram diversas oportunidades para incorporar a prática de participar de conferências por meio da internet no futuro. No entanto, existem algumas regrinhas de etiqueta que devem ser levadas em consideração na hora de participar de uma videoconferência e, com base nos dados da pesquisa, separamos os 7 principais erros que devem ser evitados por quem opta por reuniões online via vídeo:
1 – Cuide do modelito: Use roupas. Todas as peças! Não apenas uma camisa bonita por cima com pijamas por baixo. 14% dos entrevistados afirmaram usar roupas inadequadas.
Não se esqueça de que outras pessoas estão vendo você
2 –  A câmera não é um espelho: Não use a câmera de vídeo como se fosse um espelho. Você não está olhando apenas para você. 15% adoram usar a câmera como espelho.
3 –  Não cutuque o nariz: Deixe seu rosto e seu corpo quietos. 9% acabam esquecendo que estão sendo vistos e mexem no nariz.
Fique atento ao que você faz com as mãos
4 –  Evite ruídos humanos: Por favor, não emita nenhum som estranho ou inapropriado. 10% acabam fazendo algum ruído durante a conferência.
5 –  Saia da cama: Não faça uma reunião estando na cama. Use um escritório ou um ambiente mais profissional. 7% usam a cama como cadeira.
Nem todo mundo pode achar que o seu bichinho de estimação é a coisa mais fofa do planeta
6 –  Saia do banheiro: Parece óbvio, mas não é. 7% podem estar usando banheiro durante a reunião.
7 –  Sem interrupções caninas ou felinas: Evite ter animais passando e fazendo ruídos na hora da reunião online. 12% deixam animais circulando na frente câmera.

***

Essas dicas podem parecer óbvias, mas esses, por incrível que pareça, são erros comuns que acontecem no dia a dia de quem participa de reuniões online! A tecnologia está revolucionando a forma como as pessoas interagem umas com as outras e aumentando a produtividade dos profissionais conectados. 
As soluções de conferência online estão se tornando cada vez mais populares, sendo inclusive muitas delas gratuitas, como o próprio join.me. Use e aproveite ao máximo as reuniões virtuais, mas lembre-se que, apesar da comodidade e facilidade, a maioria das conferências acontece com intuito profissional!






Conheça os 7 erros mais comuns ao fazer uma videoconferência - Mega Curioso

6 dicas valiosas para quem vai fazer uma entrevista de emprego - Mega Curioso

BY Agro Mecânica Tatuí IN No comments

1 – O resumão da sua vida acadêmica e profissional

Em toda entrevista de emprego você será questionado a respeito da sua formação acadêmica e da sua experiência profissional. Tenha em mente o que você vai dizer e saiba que a maioria dos recrutadores gosta quando o candidato demonstra vasto conhecimento sobre sua área de atuação – só não vá pensar que o entrevistador sabe tudo sobre o seu trabalho, então evite usar expressões e jargões que possam o deixar confuso. Dê exemplos que sejam capazes de demonstrar suas capacidades.

2 – Quando perguntarem sobre seus defeitos

Não são poucos os candidatos que respondem a essa pergunta com “sou perfeccionista” ou “trabalho demais, mesmo quando estou em casa” – essa tentativa de transformar um defeito em uma qualidade é uma atitude bastante manjada, e você precisa se lembrar de que profissionais de RH não são bobos e vão enxergar essa sua resposta como um velho e chato clichê.
O jeito, aqui, é revelar uma fraqueza real, mas de um jeito inteligente. Você pode dizer, por exemplo, que tem dificuldades em lidar com o estresse, mas que tem trabalhado para melhorar essa questão e já se sente mais calmo e confiante em situações adversas.

3 – A tarefa surpresa

É bastante comum que, depois de uma conversa, o candidato à vaga precise realizar alguma prova ou tarefa, ainda que não tenha sido avisado anteriormente sobre isso. Digamos que a tarefa que chega até você é uma com a qual você não tenha experiência ainda. Em vez de largar a toalha e dizer que não sabe como fazer, diga que não tem experiência com isso, mas que gosta do desafio de aprender algo novo.

4 – Perguntas sobre ambiente de trabalho

Antes da entrevista, busque saber o máximo possível de informações sobre a empresa na qual você espera trabalhar – é bem provável que você seja perguntado sobre isso. Saiba responder questões como por que você gostaria de trabalhar naquela empresa ou o que a companhia tem que mais chamou a sua atenção.
Evite respostas rasas como “eu gostaria de trabalhar aqui para poder ser seu colega de trabalho” – acredite: tem gente que diz isso. A resposta ideal a esse tipo de pergunta é aquela que se refere a algo específico sobre a empresa, algo que talvez nem tenha sido mencionado ainda, e que mostra que você realmente sabe do que está falando.
Se não surgir essa oportunidade de mostrar que você tem um conhecimento específico, espere até o final da entrevista – nessa hora, o candidato é geralmente perguntado se tem algo a acrescentar, e então você pode fazer essa pergunta mais específica e mostrar que fez o trabalho de casa.

5 – Sobre a sua aparência e a maneira como você se comporta

O nível de formalidade com a qual você deve se vestir para a entrevista depende da empresa que está oferecendo a vaga à qual você está se candidatando. Se for em um grande escritório de advocacia, é um tipo de roupa; agora se for em uma agência de publicidade, por exemplo, é outro tipo.
A questão é: você não deve se vestir de modo formal demais nem totalmente descontraído. Uma vez resolvida essa questão, certifique-se de se mostrar interessado, atencioso e entusiasmado sobre a vaga – sempre sem excessos. Durante a entrevista, dê ênfase às palavras-chave e faça pequenas pausas quando estiver falando sobre algo importante.

6 – Controle a forma como você age quando fica nervoso

É comum nos sentirmos nervosos em uma entrevista de emprego, assim como é comum que o nervosismo nos faça agir de maneiras estranhas – tem gente que fala demais, gente que só faz piadas, gente que não fala absolutamente nada...
Você possivelmente sabe quais efeitos o nervosismo tem sobre seu comportamento, certo? Agora a questão é treinar para lidar bem com a sua reação – respire fundo e tenha em mente que você é uma pessoa capaz de conseguir a vaga. Se for para pensar no que pode dar errado, deixe para fazer isso depois da entrevista. Preocupação e nervosismo em excesso não ajudam em nada.






6 dicas valiosas para quem vai fazer uma entrevista de emprego - Mega Curioso

Proteína continua vital na dieta dos americanos, mostra pesquisa do Mintel – BeefPoint

BY Agro Mecânica Tatuí IN , No comments




Quase dois terços dos americanos estão interessados em proteínas, embora menos da metade considere sua dieta saudável, de acordo com uma nova pesquisa do Mintel Group Ltd.
Apenas 42% dos americanos entrevistados pela empresa de pesquisa consideram sua dieta saudável e apenas 38% concordam que alimentos saudáveis valem gastos adicionais. Os números contrastam com os níveis mais altos de conscientização sobre saúde, maior práticas de exercícios físicos e dieta melhor de uma forma geral que os entrevistados citaram, segundo a pesquisa do Mintel.
Os consumidores continuam interessados em proteína (63%), fibra (61%) e cereais integrais (57%) na compra de alimentos que eles consideram saudáveis. A proteína é especialmente um foco para mais da metade dos consumidores entre 9 e 21 anos de idade, com 54% do chamado segmento “iGen” expressando particular interesse em proteínas.
Os americanos também parecem estar de forma geral desconfiados, com apenas 14% acreditando que a aprovação pelos órgãos de regulamentação indica que um produto alimentar é saudável e 16% confiando nas declarações de saúde das embalagens dos alimentos e bebidas.
O relatório acrescenta que os consumidores preocupados com a saúde estão evitando produtos com xarope de milho rico em frutose (50%), açúcar (47%), gordura trans (45%) e gordura saturada (43%).
Fonte: MeatingPlace.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.
Proteína continua vital na dieta dos americanos, mostra pesquisa do Mintel – BeefPoint